Blog

10 de junho de 2019

GreenYellow homologa suas usinas para emissão de RECs

Os certificados (RECs) foram emitidos para a usina fotovoltaica Tucana, em Minas Gerais, e para três outras usinas fotovoltaicas instaladas em telhados do atacadista Assaí localizados nos estados do Rio de Janeiro, Goiás, e Pará. Com 9 empreendimentos homologados, a GreenYellow é a líder nacional de energia solar na plataforma I-REC, tanto em potência instalada quanto em número de sistemas.

 

A GreenYellow acaba de obter a homologação de suas plantas fotovoltaicas pela I-REC (Internacional REC Standard), organização internacional que estabelece padrões globais de rastreamento de atributos ambientais de energia. O REC é um certificado de energia limpa reconhecido mundialmente.

No Brasil, a certificação é concedida pelo Instituto Totum desde 2016. A certificação à GreenYellow foi obtida para a usina fotovoltaica Tucana de 4,3 MW de potência, localizada no município de Jaíba em Minas Gerais, e para os sistemas instalados em oito telhados da atacadista Assaí, em unidades localizadas no Rio de Janeiro, Goiás, Mato Grosso, Paraná e Pará.

“É uma grande conquista, porque reconhece nossa dedicação a produzir energia renovável, preservando ao máximo o meio ambiente. Os nossos clientes ganham assim um selo de sustentabilidade, comprovando sua menor emissão de carbono”, comemora Pierre-Yves Mourgue, diretor-presidente da GreenYellow.

Segundo ele, a GreenYellow é o player nacional no segmento de energia solar que hoje detém 9 das 10 usinas fotovoltaicas certificadas no Brasil. “Conseguimos emitir certificados de energia renovável para toda a produção gerada a partir de 8 de maio de 2018 no que tange nossas plantas fotovoltaicas sob a modalidade de geração distribuída, de pequeno e médio porte, sem CNPJ próprio ou registro na CCEE, e para sistemas alugados a terceiros – algo novo para os padrões do Instituto Totum”, destaca Mourgue. Normalmente, o certificador nacional homologa usinas centralizadas, muitas delas eólicas, com CNPJ próprio, cadastro da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) e na ANEEL, cuja documentação oficial é facilmente obtida.

Isso reforça a cultura da GreenYellow em buscar a excelência na gestão dos ativos da companhia.

Geração Solar, Institucional

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *