Blog

9 de maio de 2017

ENERGIA SOLAR PODE REPRESENTAR 12% DO MIX DE GERAÇÃO DE ELETRICIDADE NO JAPÃO ATÉ 2030

Contrariando as previsões do Ministério da Economia, Comércio e Indústria do Japão (METI), que dizem que a demanda por energia elétrica e o aumento da capacidade renovável do Japão vão diminuir até 2030, certo relatório destaca o potencial para melhorar a segurança energética nacional se dá por meio de energias renováveis, especialmente energia solar e eólica offshore.

Energia solar fotovoltaica pode representar 12% do mix de geração de eletricidade no Japão até 2030
A energia solar fotovoltaica poderá vir a representar 12% do mix de geração de eletricidade no Japão até 2030, diante dos 4% gerados atualmente. O Japão foi o segundo maior instalador global de energia solar fotovoltaica nos anos de 2013 a 2015, entretanto é necessário mais apoio de políticas públicas para manter o crescimento. Um recente movimento em direção a leilões reversos para grande escala solar, sugere que o Japão pode realizar significativas reduções adicionais no custo de energia solar, como as que estão sendo alcançadas em todo o mundo.

O potencial eólico offshore do Japão também representa grande importância estratégica, já que os custos tecnológicos caem rapidamente. O IEEFA (Instituto de Estudos de Finanças de Energia) acredita que esta fonte poderá vir a gerar 10 GW de energia renovável no ano de 2030. Embora o desenvolvimento eólico em terra tenha sido lento, devido aos longos processos de aprovações do Japão para as limitadas terras adequadas disponíveis, existem oportunidades significativas e ainda ignoradas no desenvolvimento eólico offshore.

Energia solar fotovoltaica pode representar 12% do mix de geração de eletricidade no Japão até 2030
Tóquio conta com serviços de compartilhamento de carros e bicicletas elétricas, casas alimentadas por energia solar e os moradores têm até incentivo financeiro para reduzirem o consumo de energia. Não há dúvidas de que o Japão possui um incrível potencial para extração de energia renovável.

O Japão pode atender a 35% de suas necessidades de eletricidade com energias renováveis ??até 2030. Supondo um impulso político muito necessário para aumentar a capacidade de energia solar e offshore, e um provável fator de redução na demanda de eletricidade do país, a participação total das energias renováveis no mix energético japonês dobrará para 35% em 2030.

O relatório também conclui que o Japão só terá benefícios ao adotar um modelo de transição de eletricidade baseado nas energias renováveis: “Se o Japão levar o caminho de energia renovável para a frente, ele terá reformado seu sistema de eletricidade em 2030 de uma forma que vai aumentar drasticamente a sua segurança energética, reduzir o seu déficit em conta corrente e construir capacidades tecnológicas duradouras nas indústrias do futuro “.

Post Types, Sem categoria

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *